(11) 4663-1827  |  Ligue Já      

5 maneiras de conhecer melhor o cliente.

Publicado em , por Carolina Vilela em 06/05/2019


Estamos diante de uma transformação no modo de fazer negócios. Antigamente, o consumidor parecia ser mais fiel às marcas, porém, a verdade é que ele acabava sendo muito dependente delas. O mercado apresentava soluções baseadas apenas nas necessidades coletivas, em vez de particulares.

Atualmente, com o objetivo de conquistar os clientes, as empresas vêm apresentando soluções mais personalizadas. Para isso, elas mudaram as suas culturas e passaram a focar o que as pessoas desejam e precisam. Mesmo assim, muitas organizações ainda erram na abordagem ao público, pois insistem em se basear apenas na própria experiência. A seguir, 5 maneiras de conhecer melhor o cliente.

 

5. Crie o perfil do cliente ideal.

Com base nas informações coletadas nos subtópicos anteriores, você deve criar o perfil do cliente ideal, a buyer persona.

Diferentemente do públicoalvo, que é composto basicamente por dados demográficos, a persona será caracterizada por nome, idade, local onde mora, comportamentos, necessidades, expectativas e outros mais. As ações de marketing devem ser baseadas no perfil do cliente ideal, pois ele equivale a um consumidor real. Deixe de tentar entendê-lo apenas com base na própria experiência, vivência e personalidade, pois isso o faz esquecer, por vezes, o que o seu público quer, ou seja, suas necessidades particulares.

 

4. Pesquise o mercado atual e futuro.

O levantamento das informações para conhecer melhor o seu cliente também deve ser realizado com base em pesquisas. Avalie a situação atual do mercado e fique de olho nos indicadores futuros, que traçam o comportamento do consumidor. Como estamos em plena transformação, você deve estar munido com o máximo de dados confiáveis. Uma maneira de identificar as tendências se dá com a avaliação dos problemas atuais do público. Como eles precisam ser resolvidos, a sua empresa pode estudar mecanismos para entregar a solução desejada, ou seja, ela cria um comportamento futuro baseado nas necessidades do consumidor.

 

3. Realize pesquisas de satisfação.

Aborde o seu cliente para saber mais sobre ele. Esse é um dos métodos mais eficientes para descobrir quais são as suas necessidades, expectativas e problemas. Fazer perguntas fornecerá informações sobre aquilo de que ele realmente precisa, dando a deixa para que você visualize como a empresa pode ajudá-lo. Para que você obtenha respostas completas, as perguntas devem ser abertas. Evite ser objetivo e parta para a subjetividade, utilizando “como”, “por que”, “qual” e outras palavras similares. Isso permite obter uma imagem clara da resposta em relação ao que proporciona uma experiência de compra superior ao cliente.

 

2. Investigue as mídias sociais.

Um levantamento realizado nos Estados Unidos pela empresa de marketing Yes aponta que apenas 38% das marcas usam as redes sociais como apoio para segmentar o próprio público. De fato, esse é um percentual muito baixo. Facebook, Twitter, Instagram e outros fornecem informações sobre gostos, hábitos e necessidades do cliente. As redes sociais devem ser utilizadas para que a sua marca conheça melhor o próprio público. Esses espaços servem para interagir, reclamar e até comprar produtos, portanto, você pode aprender muito sobre as pessoas por meio deles. Utilize os dados extraídos dessa plataforma para visualizar o seu público com clareza.

 

1. Não faça suposições.

Descarte hipóteses em relação às preferências e necessidades do cliente, pois elas não são consideradas uma estratégia de marketing eficiente. As ações que porventura tenham funcionado bem em um ano talvez não sejam eficazes no outro. Lembre-se de que estamos diante de uma transformação, portanto, a interação cliente, marca continua evoluindo. A sua empresa, em vez de basear as decisões em práticas passadas, deve buscar dados atualizados em relação ao público que alcança. É desse modo que se consegue criar estratégias que funcionem a favor dos consumidores. Sendo assim, deixe de lado a abordagem genérica e invista em dados reais para encantar seu cliente.



Deixe seu comentário:

=